sábado, 7 de fevereiro de 2009

Liberdade de expressão

Já fui acusado de estar ressentido politicamente. Algumas pessoas afirmam, a cada comentário que faço a respeito de Cacequi, com o qual não concordam, que estou fazendo isso para atacar pessoalmente a esta ou àquela pessoa.

Quem me conhece, sabe que sempre tive minhas opiniões, e que nunca deixei de elogiar uma atitude que considero correta, e nunca deixei de criticar aquilo que considero errado. No meu próprio blog é possível encontrar textos com avaliações positivas e outros com críticas, e isso nada tem a ver com a pessoa que estiver no papel de administrador no momento.
Em última análise, o que é minha opinião? Apenas a opinião de uma pessoa, nada mais! Já recebi e-mails com reclamações e elogios, já fui parado na rua para ser elogiado ou criticado, já recebi no próprio blog algumas críticas e elogios e até mesmo na “Caixa da Verdade”, no Orkut, os comentários estão sendo depositados.

Particularmente, adoro quando alguém comenta o que escrevo, seja positiva ou negativamente. É sinal de que estou sendo lido, e este é o meu objetivo (senão, que sentido haveria em escrever?). Quero responder agora alguns destes comentários.

Primeiro, gostaria que não julgassem meu blog apenas por um texto. Leiam mais, por favor, e procurem analisar a tendência geral. É uma maneira mais justa de expressar uma opinião sobre meu trabalho. Também gostaria de dizer que as “entrelinhas” são interpretação pessoal de cada um. Ninguém pode afirmar, com certeza, qual o pensamento passava pela cabeça de um escritor no momento em que construía seu texto. Essa é uma pretensão tola. Quando trabalho com interpretação de textos com os estudantes, sempre troco a pergunta “O que o autor quis dizer com seu texto?”, presente em muitos livros didáticos, por “O que você entendeu do texto lido?”. Não exatamente nestas palavras, mas para que os estudantes percebam que o leitor é, de certa maneira, co-autor do texto.

Em segundo lugar, quero dizer que não serei candidato nas próximas eleições. Alguém escreveu na Caixa da Verdade que a estratégia que nós usamos para nos eleger não funcionará duas vezes [...] você não vai conseguir se eleger nem para vereador, porque ninguém entra na Internet em Cacequi”. Confesso que não entendi a primeira parte da afirmação, mas a segunda se desmente no próprio recado escrito, pois foi necessário que alguém navegasse na Internet para escrevê-lo. Também quero afirmar que, embora tenha minhas convicções políticas, não sou filiado a nenhum partido. Escolho pessoas, e não siglas partidárias (respeito quem as segue, mas é minha opinião, somente).

Em terceiro lugar, sonho com um município que não seja dividido em grupos rivais. Isso só prejudica o desenvolvimento. Logo após as eleições, os partidos continuaram a existir, mas o município também continua a ser um só, governado para todos, e no qual todos têm direito à opinião, seja esta qual for. Isso se chama democracia, e não é algo que recebemos de presente por força de lei. Esta é uma conquista diária de cada um de nós.

Para finalizar, sonho com um mundo em que as pessoas tenham o direito de discordar sem serem julgadas. Acho que este é o grande desafio da vida, compreender e conviver com as diferenças. Sei o quanto isso é difícil porque procuro ter respeito às opiniões que divergem da minha, e isso nem sempre é fácil. Obrigado a todos os que lêem meu blog, concordando ou não. A opinião de todos será sempre muito bem recebida neste espaço!

15 comentários:

Club Educação disse...

Olá Professor Pedro,fico feliz em encontrar na rede um blog cacequiense como o seu,que aborda vários temas com uma visão diferente sem medo de rotulação e taxamento,posso te afirmar com tranqüilidade que muito do que você ressalvou no seu artigo pessoal é semelhante ao meu pensamento,ainda bem que nos últimos dias tenho encontrado pessoas dispostas a manter o objetivo da liberdade verdadeira, estava já quase desistindo,sempre me fazia várias vezes a mesma pergunta:
-Será que tudo esta fadado a certos blocos e a certas vertentes em cacequi?
-Será que sou eu o errado por pensar que ter opinião é um dever não um privilégio?
-Será que vou conseguir resistir contra a tantos,que ainda acham que o mundo é o coronialismo da hipocrisia.
Fico feliz que não sou o único a querer poder pensar...
Não precisamos pensar igual,não precisamos ter as mesmas opiniões,não existe necessidade de concordarmos sempre...
E mesmo assim podemos conviver em harmonia..
Professor espero que continue escrevendo seu blog sem temor,e difunda a sua idéia,pois quanto mais pessoas sejam livres para pensar melhor,mesmo que elas pensem totalmente diferentes.

Elaine. disse...

Pedro, somos moradores de cidades pequenas e sabemos que a inveja e a mediocridade grassavam soltas pelas ruas, pelos becos, pelas vielas...quem pensa, incomoda! Ainda bem, que estamos incomodando..rsrsrsrsr...abraços.

menteinquietaprocuraresposta disse...

Prof Pedro,
boa noite!
Indiquei seu Blog ao Selo Amigo!
Confira lá no meu Blog.
Um abraço,

Questionadora

FRX disse...

olá teacher =D
indiquei seu blog pra um selo segue a URL:

http://exoticlic.blogspot.com/2009/02/manifesto-e-proximidade-selos.html

Diego?Glommer?Chuck? .? disse...

Sempre é complicado para quem se atreve a expressar suas opiniões. Definitivamente a maior parte das pessoas não suporta críticas e para elas talvez seja mais condizente "minar" aqueles que tem a coragem de expor o que pensam.
Tanto mais se acreditam que isso pode prejudica-las.

Enfim... creio que você deve sim continuar expondo suas opiniões e fazendo o belo trabalho que ocorre aqui no blog. E nunca nos prive disse por causa "daqueles que não sabem o que dizem".


abraços
.


http://solucomental.blogspot.com

bsalgada disse...

Opinião é importante, mas mais que todas elas é a nossa, individualmente falando.

Quanto tempo hein? Passando pra deixar um beijo.

zymboo disse...

Olá, boa tarde!
Meu nome é Patrícia e represento a empresa Zymboo.com.
Gostamos muito do seu blog e gostaríamos de convidá-lo a publicar seus textos em nosso Espaço Literário.
Com isso, você poderá aumentar as visualizações de seu blog e ter seus textos publicados em um grande portal da Internet (www.zymboo.com).
Basta que nos envie seus textos e os publicaremos na Zymboo juntamente com seu nome e a URL do seu blog.
Escreva-nos: espacoliterario@zymboo-inc.com 
 

Elaine dos Santos disse...

Tem um "selo dorado" te esperando lá no blog! "Pega lá"!!!
Saudades :)

Pedro Sá disse...

Tenho um selo para si lá no blog Linking. Abraços

Professor Delamare disse...

Bom dia professor Pedro, seu blog dá gosto de ler. É muito rico e impossível não ler. Parabéns, continue assim. A Educação precisa de professores com este perfil.

Vivian Sbrussi disse...

Passei por aqui!

.♥♡♥*´¨
       .♥♡♥*´¨   Olá...
             .♥♡♥*´¨
◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀◀▶◀▶◀▶◀◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶

♥Aprendi com o tempo que...

“Às vezes,
é preciso esquecer um pouco a pressa
e prestar mais atenção em todas as direções
ao longo do caminho...
A pressa cega os olhos.
E deixamos de observar
tantas coisas boas e belas
que acontecem ao nosso redor.

Às vezes,
o que precisamos está tão próximo...
Passamos,
olhamos,
mas não enxergamos!
Não basta apenas olhar.
É preciso saber olhar com os olhos,
enxergar com a alma e
apreciar com o coração..."

(autor desconhecido)

  εїз  ღViViAn\\(^_^)// Sbrussi   εїз
          εїз          εїз
  ω ω ω  ω ω ω   ω ω ω  ω ω ω
,,,~\\\\\\//////~,,,,,~\\\\\\l/////~,,,,,,


◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶ ◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀◀▶ 
       .♥♡♥*´¨
               .♥♡♥*´¨
.♥♡♥*´¨    Bjuuus no seu ♥ !!!

Mica .vai.la disse...

Oi, tenho um blog de biologia, gostaria de fazer parceria?
Muito legal teu blog..
http://www.mhp-bio.blogspot.com

Tânia Soares disse...

Prof. Pedro...PARABÉNS! Grande abraço. Tânia

Prof. Pedro Rangel disse...

Oi Tânia, obrigado!
Grande abraço!

Anônimo disse...

molto intiresno, grazie